IV Mostra As Histórias da Cannabis em Filmes e Debates

VOLTAR

IV Mostra As Histórias da Cannabis em Filmes e Debates
De 5 a 7 de setembro, na Casa da Cultura, sempre às 18h30

A mostra “As Histórias da Cannabis” propõe uma questão: Por que uma “guerra às drogas” que legitima a morte em nome da vida?

“Usamos o cinema e o diálogo para inserir nesse debate pessoas que acham que não estão ligados diretamente ao problema, por não serem usuários de drogas ilícitas ou por não morarem em áreas ditas de risco, e sensibilizá-las a se engajarem na luta pela vida, por mais direitos, justiça e cidadania”, diz o curador Ronald Almenteiro.

Nessa edição, serão exibidos sete filmes, quatro curtas metragem e três longas de ficção, documentário e animação, dando uma panorâmica no que a sétima arte produziu sobre a maconha e as consequência da sua proibição.

Complementando a programação serão realizados após as sessões debates com ativistas antibroibicionistas, juristas, professores, pesquisadores, políticos, cientistas, policiais e o público sobre o uso recreativo/social, religioso e medicinal da maconha. A mostra é uma realização da ONG Coletivo João do Rio e acontece de 05 a 07 de setembro na Casa da Cultura de Paraty.

Confira a programação:

Dia 05/Qua./18:30hs

Filmes:

Curtas:

“Baseado em Fatos”, doc., dir. VICE, 17min., livre.

“Marcha da Maconha de Paraty”, doc. dir. Pablo Ravazzivi, 5min., livre.

Longa:

“Quebrando o Tabu”, doc., dir. Fernando Grostein, 1h20min., 14anos.

Debate:

Tema: “Uma breve história da maconha e da sua proibição”

Apresentação:

Ronald Almenteiro, curador e produtor da mostra.

Dia 06/Qui./10:00hs – Sessão especial para estudantes.

Filmes:

Curtas:

“Baseado em Fatos”, doc., dir. VICE, 17min., livre.

“Marcha da Maconha de Paraty”, doc. dir. Pablo Ravazzivi, 5min., livre.

Longa:

“Quebrando o Tabu”, doc., dir. Fernando Grostein, 1h20min., 14 anos.

Debate:

Tema: “Uma breve história da maconha e da sua proibição”

Apresentação:

Ronald Almenteiro, curador e produtor da mostra.

Dia 06/Qui./18:30hs

Filmes:

Curtas:

“Dor”, doc., dir. Tarso Araújo, 5min., livre.

“Marcha da Maconha de Paraty”, doc. dir. Pablo Ravazzivi, 5min., livre.

Longa:

“Árido Movie”, ficção, dir. Lírio Ferreira, 120min., 16 anos.

Debate:

Tema: “A “Guerra às Drogas” no contexto da intervenção militar no RJ”

Debatedores:

Pedro Heitor, doutor em ciência politica, professor do Instituto de Estudos Comparados em Administração de Conflitos – UFF, e do programa de Pós-graduação em Sociologia do Direito.

Lucia Lambert, graduada em direito pela UFF. Especialista em Direito Constitucional. Mestre e doutoranda em Sociologia e Direito pela UFF. Advogada da Reforma. Rede Jurídica pela Reforma da Politica de Drogas.

Mediador:

Ronald Almenteiro, curador e produtor da mostra.

Dia 07/Sex./18:30hs

Filmes:

Curtas:

“A Ciência dos Encantados”, doc., dir. Joana Mendonça, 22min., livre.

“Marcha da Maconha de Paraty”, doc. dir. Pablo Ravazzivi, 5min., livre.

Longa:

“Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock”n Rool”, animação, dir. Otto Guerra, 1h21min., 16 anos.

Debate:

Tema: “Por uma nova politica de drogas no Brasil: O papel das associações antiproibicionistas”

Debatedores:

Lauro Pontes, Psicólogo, doutor professor Universidade Santa Úrsula, diretor da ABRAcannabis.

Ricardo Ferreira, Médico com mestrado em clinicas cirúrgicas, especialista em patologias da coluna vertebral, e manejo da dor. Diretor Geral da SBEC – Sociedade Brasileira para Estudos da Cannabis.

Fernando Beserra. Psicólogo, mestre em psicologia clínica (PUC-SP). Membro-fundador da Associação Psicodélica do Brasil.

Mediador:

Ronald Almenteiro, curador e produtor da mostra.

SERVIÇO:

Paraty

Casa da Cultura – Paraty

Endereço: Rua Dona Geralda, 177 – Centro Histórico.

Data: de 05 a 07 de setembro de 2018.

Horário: 18:30 hs.

Realização: Coletivo João do Rio

#vempracasadacultura
#ashistoriasdacannabis
#coletivojoaodorio